Cerimônia de formatura marca o fim do curso de formação da Guarda Civil Municipal

Evento foi realizado no Chicão na tarde do dia 19 de maio

 

A formatura da primeira turma da Guarda Civil Municipal de Pará de Minas e do município de Serrania foi realizada no final da tarde da última sexta-feira (19), no Parque de Exposições Francisco Olivé Diniz – Chicão. A cerimônia contou com a presença de autoridades civis e militares, de representantes das GCMs de Belo Horizonte, Betim, Contagem, Nova Serrana e Diamantina, além de familiares dos formandos.

Após o período de treinamento e estágio probatório, a GCM de Pará de Minas começou a trabalhar, efetivamente, na última segunda-feira (22). Ao todo, são 22 Guardas Civis Municipais, sendo 17 da GCM de Pará de Minas e 5 da GCM de Serrania. Para o Prefeito Elias Diniz, a presença dos Guardas Municipais nas ruas de Pará de Minas traz um clima de segurança à cidade. Ele falou sobre a formatura durante a cerimônia. “A partir de agora, que eles estão concluindo a formação e estarão de fato nas ruas, a responsabilidade é maior, pois eles têm uma função multifinalitária, com poder de polícia. Os índices de segurança já melhoraram significativamente com o Olho Vivo, e, agora, com a Guarda, Pará de Minas certamente será ainda mais segura”,frisou.

Para o Tenente-Coronel Fábio Santos, Assessor de Defesa Social, a formatura representa o fechamento de um ciclo, iniciado em 2018, com a realização do concurso público para a Guarda, e finalizado com o curso de formação, com duração de quatro meses e que foi encerrado com o estágio probatório. “A sociedade pará-minense estava ansiosa por este momento. E hoje estamos disponibilizando a ela uma Guarda pronta, totalmente capacitada e ansiosa por contribuir para a segurança de todos”, destacou.

“É uma honra para nós formar mais uma instituição de segurança pública. Fizemos um trabalho expressivo durante a formação aqui em Pará de Minas, com excelentes professores. Temos tudo para fazer um bom serviço para a população”, ressaltou o Comandante da Guarda Civil Municipal, Moacir Souza.

O momento foi descrito como “sublime” pela GCM de Pará de Minas Tainara Brandão de Paula. Ela enfatizou a importância de poder representar a classe feminina na instituição. “É um orgulho representar a força da mulher na Guarda. Estar diante de um evento como este simboliza nossa força e coragem. E para todos os GCM de Pará de Minas, é um momento muito especial”.

A aspirante GCM Layla Rocha Silva, que faleceu em acidente automobilístico no dia 9 de maio e dá nome à primeira turma do Curso de Formação de Guardas Civis de Pará de Minas, foi homenageada durante a cerimônia de formatura. Familiares dela estiveram presentes, incluindo seu filho recém-nascido. Segundo o Tenente-Coronel Fábio Santos, Layla conseguiu concluir com êxito todas as atividades do curso, mas, por uma infelicidade, não pôde estar entre os formandos. “Ela realizou todo o curso de formação grávida. Foi guerreira e lutadora. Sua memória estará presente no espírito desta Guarda e no coração da sociedade pará-minense”, observou.

Renato Batista da Silva, tio e padrinho de Layla, afirmou que a formatura era um sonho dela e de sua família. Portanto, fez questão de comparecer à cerimônia. “É uma conquista dela, e, por isso, é um prazer para nós estarmos aqui hoje. Infelizmente, Deus quis de outra maneira, mas é uma honra receber essa homenagem por ela”, pontuou.

Fique por dentro da agenda e receba todas a novidades sobre o Chicão